Com direito a pipoca, caldo, canjica, bolo, cachorro-quente e tudo o mais de verdadeira festa junina, o evento foi uma oportunidade de integrar os profissionais e promover humanização

Barraquinhas com comidas típicas, estacionamento colorido, colaboradores vestidos a caráter. Esse foi o cenário do Hospital de Urgências de Goiás Dr. Valdemiro Cruz (Hugo), durante os dias 21 e 22 de junho. Os profissionais tiveram um momento de diversão com o Arraiá do Hugo, realizado no estacionamento da unidade de saúde do Governo de Goiás. A iniciativa de promover a tradicional festa junina, uma das maiores tradições brasileiras, foi do Instituto CEM, organização social que faz a gestão do hospital.

Com direito a pipoca, caldo, canjica, bolo, cachorro-quente e tudo de mais que um verdadeiro arraiá dispõe, o evento foi uma oportunidade de envolver os colaboradores, promovendo a humanização. “Nosso intuito foi integrar os profissionais e aliviar a carga da rotina, que não é nada fácil, no ambiente hospitalar”, explicou a diretora administrativa do Hugo, Queiliene Rosa. A gestora destaca que sempre que possível, o hospital promove atividades que tornam o ambiente mais leve.

Para tornar o Arraiá do Hugo ainda mais divertido, foi montado um painel para os colaboradores tirarem ‘selfies’ ou serem fotografados. O evento encantou a técnica de enfermagem Patrícia Carmo de Araújo que, por alguns instantes, se distanciou das preocupações inerentes ao seu serviço. “Eu gostei muito. É bom para a equipe confraternizar, sair da rotina do hospital, que é cansativa. É bom para relaxar e mudar um pouco o foco”, frisou a profissional, que atua na UTI do Hugo.

Os alimentos foram embalados individualmente, para cada colaborador fazer a retirada nas barraquinhas de forma segura.

Inaugurações
Durante a tradicional festa junina, os dirigentes do Hugo inauguraram o espaço de convivência. Um ambiente ao ar livre que conta com jardim, um painel pintado pelo artista plástico Júlio César Mendes Silva (cesararte2011) e uma estrutura pronta para receber colaboradores, pacientes e profissionais do ensino e pesquisa e proporcionar momentos de descontração, interação e bem-estar.

Segundo Queiliene, com espaço de convivência, o Hugo vai oferecer aos pacientes um banho de sol em um local mais adequado. “O ambiente aconchegante e rodeado de arte é bem-vindo para o paciente, pois consegue diminuir a ansiedade causada pelo longo período de internação, o que reflete positivamente na recuperação” afirma a diretora administrativa.

Já para os profissionais, ter um espaço de convivência faz com que eles se sintam mais acolhidos pela unidade, o que reflete positivamente nos trabalhos que desempenham. “Nossa intenção foi proporcionar um ponto de apoio para os nossos colaboradores. Um local onde possam recarregar as energias e voltar às atividades”, disse.

Em clima de festa, o Hugo inaugurou também as novas instalações do laboratório de análises clínicas, da Diretoria de Ensino e Pesquisa (DEP), da Comissão de Residência Multidisciplinar (Coremu) e Comissão de Residência Médica (Coreme) e do Comitê de Ética em Pesquisa (CEP). “Além da reforma, a maior contribuição da atual gestão do Hugo para o ensino e pesquisa foi a equalização dos preceptores e colaboradores desses serviços, patenteando a posição do Hugo de um hospital-escola referência em Goiás”, destacou a diretora administrativa.

Julianna Adornelas (texto e foto)/Instituto CEM

Fonte: Secretaria de Estado de Saúde-GO

Ajustar fonte